A idade trás consigo algumas dificuldades. Entre elas o equilíbrio é um dos mais recorrentes problemas para o idoso. Para se sentirem seguros e desenvolverem suas atividades do dia a dia é indispensável contar com alguns ajustes.

Muitos dos acidentes graves que acontecem com o idoso se passam no banheiro. Principalmente por ser um ambiente escorregadio. Adaptar este cômodo a fim de garantir a segurança de quem já está na melhor idade é indispensável!

Quer dicas de como fazer toda essa adaptação no banheiro? Quer entender melhor sobre a falta de equilíbrio que atinge o idoso? Você está no lugar certo! Continue lendo e saiba absolutamente tudo sobre o assunto!

 

A falta de equilíbrio nos idosos

 

Após uma vida de muito trabalho e desgastes, é comum que ao chegar à terceira idade o idoso já esteja com o esqueleto um pouco mais fraco. Isso facilita o desequilíbrio.

Além de ficar com os reflexos mais lentos e as vistas cansadas, o corpo está mais enfraquecido, soma esta que é perfeita para causar tombos!

Infelizmente, muitos idosos não sobrevivem a esses tombos. Podem não ir a óbito, porém passam a ficar acamados. Com a idade avançada, dificilmente a recuperação consegue ser completa, prendendo o idoso a cama até o fim de sua vida ou tornando-o extremamente dependente dos outros.

Adaptar os cômodos de casa e principalmente do banheiro é importante para quem deseja cuidar do idoso! Lembrando que esses pequenos reajustes podem significar um “plus” de muitos anos e de muita qualidade de vida para o idoso que está sendo cuidado.

Além das adaptações feitas nos cômodos é importante que o idoso não passe muito tempo sozinho. Porém, sabemos que com a correria do dia a dia isso se torna impossível. Mas isso não é mais justificativa para não oferecer o cuidado adequado ao seu ente querido na terceira idade. Serviços de teleassistência ao idoso podem te ajudar a cuidar de quem você ama, mesmo não estando por perto.

 

5 dicas para adaptar o banheiro para o idoso

 

Que é importante adaptar o banheiro de modo a torná-lo mais seguro e adequado ao idoso, você já sabe. Sabe que este cuidado pode fazer a diferença na vida do idoso! Mas, será que você sabe como é possível fazer toda essa adaptação?

Sendo alguns cuidados mais caros e outros menos custosos, uma coisa é certa: Eles são necessários para que o idoso não corra riscos!

É indispensável seguir este passo a passo a fim de que o número de acidentes reduza! Confira:

 

1. A iluminação precisa ser adequada – e clara!

 

Vale a pena adaptar a iluminação do banheiro para que contribua com a segurança do idoso. Com os olhos mais cansados e visão prejudicada, priorizar por ambientes bem claros é a melhor alternativa para diminuir a incidência de acidentes no banheiro.

Muitas vezes pode ser necessário o ajuste para que um número maior de lâmpadas sejam instaladas neste cômodo. Outra alternativa é a colocação de luminárias maiores e com mais capacidade de iluminação.

 

2. Invista na barra de apoio para idosos

 

Um cuidado que com certeza não pode passar batido é a instalação de barras de apoio por todo o banheiro e dentro do Box do chuveiro. Barras ao lado do vaso sanitário também são importantes.

Essas barras são fortes e ajudam principalmente na hora em que o idoso quer se levantar. Elas servem como apoio para quando acontece algum tipo de desequilíbrio, diminuindo muito o número de acidentes. As barras podem ser instaladas em outras partes da casa.

 

3. O banheiro precisa ser amplo

 

O banheiro precisa ter um espaço amplo, que comporte uma cadeira de rodas caso o idoso esteja utilizando uma. Pode ser preciso reajustes que gerem maior conturbação e um projeto mais detalhado.

Para quem está construindo um banheiro à situação é bem mais simples, pois basta levar em conta tais necessidades e até mesmos regras já instituídas pela ABNT. O conforto e a segurança agradecem tais medidas.

 

4.  Pisos antiderrapantes também são bem-vindos

 

Existem ainda alguns pisos que são antiderrapantes e que podem ajudar muito a diminuir a incidência de acidentes entre os idosos.

Esses pisos são indispensáveis. Pisos antiderrapantes embaixo do chuveiro são ideais. Não deixe de fazer esse investimento que é um dos mais simples de todos entre as dicas destacadas aqui.

 

5.  Rampas ao invés de degraus

 

Optar por rampas de acesso ao invés de degraus é uma grande ajuda para o idoso. Mais fáceis de serem vencidas, as rampas não devem ser excessivamente inclinadas principalmente se por elas forem passar cadeiras de rodas.

O cuidado com os degraus pode se tornar necessário em toda a casa dependendo da situação do idoso. Ao lado das rampas também é indicada a utilização de barras.

 

Quem pode fazer as adaptações no banheiro?

 

Como você viu nas dicas de adaptação dos banheiros para idosos, alguns dos cuidados indicados requerem um projeto para a sua correta execução. Por exemplo, tornar o espaço amplo a ponto de receber uma cadeira de rodas ou aumentar o número de lâmpadas instaladas.

Para fazer os ajustes é importante contar com um bom profissional que aproveite ao máximo o espaço e leve em consideração os pontos destacados.

Arquitetos e projetistas podem fazer o desenho deste projeto de modo a garantir o máximo da segurança para os idosos. Vale a pena investir em um suporte profissional.